quarta-feira, 13 de outubro de 2010

10 filmes dos primeiros anos do cinema

Essa lista é uma opinião extremamente pessoal. Não tem como objetivo ser um retrato da realidade, mas sim expressar a minha humilde opinião. Certamente você discordará dela, desse modo, fica o espaço para você criar seu próprio Top 10 filmes dos primeiros anos do cinema nos comentários.


1. Viagem à Lua (Considerado a primeira ficção-científica da história, Viagem à Lua foi uma revolução nos efeitos especias ao utilizar trucagens hoje consideradas filmes como o corte e o stop-motion. Inseriu Georges Meliès como um dos nomes mais importantes da história do cinema e é uma obra essencial para todo e qualquer amante do cinema.)


2. O Nascimento de uma Nação (Extremamente polêmico por seu conteúdo racista ao retratar a saga do fundador da Ku Klux Klan como um herói, O Nascimento de uma Nação marcou o nascimento do cinema como arte e foi uma inovação tanto na parte técnica quanto no roteiro. Sua importância ao cinema é comparável apenas à importância de Cidadão Kane.)


3. O Grande Roubo do Trem (O primeiro faroeste narra a história de um assalto a um trem (óbvio). Serviu como influência para dezenas de faroestes que viriam em seguida e é lembrado pela sua cena final em que um homem dispara contra a câmera.)


4. Os Vampiros (Obra máxima do francês Louis Feuillade, com quase 7 horas de duração e dividido em 10 partes, Os Vampiros marca o início do cinema comercial a partir da história de uma gangue de ladrões e assassinos em Paris.)


5. Fantômas (A história de Fantômas, um criminoso conhecido pelo roubo do Hotel de Palácio Reale pelo sequestro de Lord Belthan. Fantômas é perseguido pelo Inspetor Juve e seu auxiliar, o jornalista Fandor. Primeiro filme do gênero de crime da história, rendeu várias sequências e refilmagens.)


6. Cabíria (Um épico monumental que narra a história da jovem Cabíria, que três séculos antes de Cristo é raptada por escravos durante a erupção do Etna e vendida como escrava para ser sacrificada em nome do deus Moloch. Porém, acaba sendo salva por um nobre romano acompanhado de seu escravo gigante.)


7. Intolerância (Uma análise sobre a intolerância do ser humano é traçada nessa obra a partir de quatro momentos históricos. Na Babilônia, o ódio religioso; na Judéia, a crucificação de Cristo; na França, o Massacre da Noite de São Bartolomeu; na América, a destruição da vida de um jovem casal.)


8. Lírio Partido (Uma jovem de 15 anos é abandonada e londres e se apaixona por um místico chinês que está em viagem do país para propagar a filosofia oriental. Com Lillian Gish, a musa de D.W. Griffith.)


9. Carlitos nas Trincheiras (Talvez o curta mais conhecido de Chaplin, aqui ele põe seu fatídico personagem na França da Primeira Guerra Mundial, onde ele é um recruta que após se tornar um herói de guerra, acaba por ser designado a uma perigosa missão.)


10. O Golem (Uma pequena vila dos arredores da Praga do século XVI é ameaçada pelo poder do Kaiser. Para proteger o local, um alquimista faz uma criatura de cera de enorme porte e força. No início, a criatura apenas obedece a seu mestre, mas com o passar do tempo, começa a criar consciência de sua própria existência. Uma história claramente inspirada em Frankenstein, mas ainda com um certo brilho próprio.)

Nenhum comentário: