segunda-feira, 29 de julho de 2013

Artesãos da Fotografia - III

Nicholas Musuraca (1892 - 1975)




Italiano de nascimento aportou nos Estados Unidos ainda criança. Trabalhando na RKO não teve os holofotes sobre si como os outros já citados. No entanto a revolução causada por Toland com Cidadão Kane deve ser compartilhada com Musuraca. Em 1940 “O Homem dos Olhos Esbugalhados” (péssimo título em português), um filme menor da RKO dirigido por Boris Ingster já  explorava a profundidade de campo. Sua fotografia iniciava-se e terminava com sombras, mostrando o forte legado que recebera do Expressionismo alemão. Enclausurado aos filmes B da RKO, só teve a sua disposição uma grande oportunidade: Foi em "A Vida de um Sonho" (1947) dirigido por George Stevens, onde conseguiu um orçamento (e tempo – as filmagens demoraram 6 meses) que lhe permitiu mostrar todo o seu talento enquanto artesão – Sua única indicação ao Oscar. Mesmo assim nem os baixos orçamentos com que convivia impediram que seu trabalho ficasse invisível, não chamando a atenção. O que seria das produções de Val Lewton sem a colaboração dele? Causa-me até hoje estranheza não ver seu nome nos créditos de "A morta viva" (1943) de Tourneur. Ainda que lá não esteja, não teria ele contribuído com suas orientações?


Principais trabalhos:

                                          O Homem dos olhos esbugalhados (Boris Ingster – 1940)


                                                     Sangue de Pantera (Tourneur – 1942)


                                           Silêncio nas trevas (Robert Siodmark – 1945)


                                                            Fuga do Passado (Tourneur – 1947)


                                                          Só a mulher peca (Lang – 1952)

                                                   Alma sem pudor (Nicholas Ray – 1950)



                                                          A Gardênia Azul (Lang – 1953)


                                                     Sangue na Lua (Robert Wise - 1948)


A Vida de um sonho (George Stevens - 1947)




Escrito por Conde Fouá Anderaos




Um comentário:

WILLIAN disse...

Parabens pela estrutura e conteudo de seu site, estou compartilhando aqui, Forte abraço Willian mdf